A

B

C

D

E

F

G

H

I

J

K

L

M

N

O

P

R

S

T

U

V

W

X

Y

Z

Irma Alvarez


Atriz argentina de nascimento, fez grande sucesso no Brasil nas décadas de 60 e 70, principalmente no teatro, no cinema e na TV. Ela era uma das "Certinhas do Lalau", concurso criado na década de 50 pelo escritor Sérgio Porto, o Stanislaw Ponte Preta, para escolher as mulheres mais bonitas da época. Em "Cavalo de Oxumaré" (1960), de Ruy Guerra, Irma chegou a raspar a cabeça para o filme. Alvarez participou ainda de 40 filmes ao longo de sua vida. A última aparição foi em "O Viajante", em 1999, quando dividiu as telas com Roberto Bonfim, Leandra Leal, entre outros, no filme dirigido por Paulo Cesar Saraceni.

Alvarez também esteve em "Porto das Caixas" (1962), de Paulo Cesar Saraceni (com o qual ganhou muitos prêmios), "Todas as Mulheres do Mundo" (1967), de Domingos de Oliveira, "Terra em Transe" (1967), obra-prima de Glauber Rocha, "A Noite do Meu Bem" (1968), de Jece Valadão, "A Estrela Sobe" (1974), de Bruno Barreto, e "Pra frente Brasil" (1982), de Roberto Farias. Alvarez começou a carreira na produção portenha em "Cinco Locos en la Pista" (1950), de Augusto Cesar Vatteone. O primeiro longa em português foi a comédia "Massagista de Madame", de Victor Lima, em 1958. Na televisão, participou de algumas novelas, como "Sétimo Sentido" (1982), e "Pai Herói" (1979), ambas de Janete Clair.

Irma Rufina Alvarez, ou simplesmente Irma Alvarez, nasceu na cidade de Salliqueló, Argentina, em 21 de novembro de 1933. Outras produções do início da caminhada cinematográfica da atriz foram "De Noche También se Duerme" (1955) e "Del Otro Lado del Puente" (1953). Ultimamente Irma se dedicava à pintura - num estilo que ela definia como "entre o clássico e o moderno" - e ao voluntariado no hospital INCA. Viúva, ela deixou uma filha, Krishna, de 34 anos, e os netos João Eduardo, 6 anos, e Joana, 2. De 2000 a 2006, ela morou em Miami (EUA), onde ajudou a filha a criar seus netinhos. A atriz faleceu aos 73 anos, em 8 de janeiro de 2007. Em uma das fotos, ela aparece ao lado de outras beldades da época, Maria Pompeu e Anilza Leoni.

Veja mais fotos de Irma Alvarez: Foto 01 | Foto 02


Filmografia
1959: O Massagista de Madame
1960: Os Dois Ladrões .... Leninha
1960: Cavalo de Oxumaré
1962: Porto das Caixas
1962: Nordeste Sangrento
1964: A Morte em Três Tempos
1965: Encontro com a Morte .... Nair
1965: 22-2000 Cidade Aberta
1966: Engraçadinha Depois dos Trinta
1966: Onde a Terra Começa
1967: Todas as Mulheres do Mundo
1967: Terra em Transe
1967: O Sabor do Pecado .... Lúcia
1968: A Noite do Meu Bem
1968: O Homem Nu .... Alva
1968: A Virgem Prometida
1968: A Doce Mulher Amada .... Miriam
1969: Um Sonho de Vampiros
1969: Os Paqueras
1969: Como Vai, Vai Bem?
1969: A Cama ao Alcance de Todos .... garota argentina
1970: É Simonal
1970: Pra Quem Fica, Tchau
1973: Caingangue, a Pontaria do Diabo
1974: A Estrela Sobe
1975: Ana, a Libertina
1975: Blablablá
1977: O Dia Marcado
1982: Aguenta, Coração
1983: Pra Frente Brasil
1984: Aguenta Coração
1986: Rockmania .... mãe de Lili
1999: O Viajante

Teledramaturgia
1971: O Cafona .... Roseli
1973: Carinhoso .... Clara
1973: O Semideus .... Raquel
1977: Sem Lenço, sem Documento .... Mabel
1979: Pai Herói .... Vitória
1982: Sétimo Sentido .... Vanda


BR Busca JS - Busca
Banco de Dados
Para uma resposta mais rápida, utilize aspas na consulta, exceto quando tiver dúvida com relação à grafia do nome
• fechar janela •
Reginaldo Faria e Irma Alvarez em "Porto das Caixas" (1962)