A

B

C

D

E

F

G

H

I

J

K

L

M

N

O

P

R

S

T

U

V

W

X

Y

Z


Célebre comediante norte-americano, estrelou um humorístico na televisão ao longo de 24 anos, a partir de 1950. Com gestos bem estudados e de extrema comicidade, soube garantir expressivas audiências ao lado de gente famosa na época, como Bobby Darin e James Stewart. "The Jack Benny Program" permaneceu na Rede CBS até 1964 e transferiu-se para a NBC em 1964. Nesse ano, Benny foi convidado de Lucille Ball e contracenou com Bob Hope em "The Lucy Show".

Jack Benny, nome artístico de Benjamin Kubelsky, nasceu em Chicago, no dia 14 de fevereiro de 1894 e também foi ator de vaudeville e no rádio. Considerado mundialmente um dos principais artistas americanos do século XX, Benny desempenhou o papel do avarento mesquinho, vulgar e cômico por toda a vida, insistindo em passar quase quarenta anos em atividade apesar da idade e da saúde comprometida já na velhice. Era também um grande praticante do violino, algo que se tornou sua marca registrada, tocando-o sempre mal.

Benny era conhecido pelo seu timing de comédia e sua habilidade em fazer o público rir, fosse com uma simples pausa na fala ou uma expressão comum do rosto, assim como sua expressão-assinatura de exaperação "Well!" Seus programas de rádio e de televisão, de grande popularidade em seu país dos anos 30 à década de 60, foram uma grande influência para o gênero da comédia conhecida como sitcom.

Seu programa de rádio, "The Jack Benny Program", levado ao ar semanalmente pela NBC entre 1932 e 1948 e pela CBS entre 1949 e 1955, foi sempre um dos líderes de audiência no país por décadas e o tornaram uma das mais conhecidas e influentes personalidades do mundo do entretenimento nos Estados Unidos.

O visual cômico de Benny mudou ao longo de sua carreira. Em certo momento, ele desenvolveu um visual avarento. Este personagem de palco era tudo o que Jack Benny não era: egoísta, mesquinho, vaidoso e vaidoso. Estas características foram a razão do sucesso de seu show. Benny se colocou como motivo de comédia, permitindo que seus personagens de apoio projetassem risos à custa de suas próprias falhas.

Com seu humanismo e vulnerabilidade em uma era onde alguns personagens masculinos levavam em conta os traços de caráter, Benny fez o que poderia ter sido um personagem comum desagradável. Benny disse: "Eu não me importo quem recebe os risos no meu programa, contanto que o show seja engraçado." Benny sentia que ele tinha o crédito ou culpa de qualquer forma, não o ator dizendo as linhas, então não havia ênfase na linha de fundo cômico.

Com cerca de vinte passagens pelo cinema, sua fase áurea ocorreu nas décadas de 30 e 40, quando estrelou musicais como "Hollywood Revue de 1929" (com Joan Crawford), "Melodia da Broadway de 1936", "Ondas Musicais de 1937", "Artists & Models" (1937), "Artists & Models Abroad" (1938), "Man About Town" (1939). E comédias: "Alegria a Solta" (com Martha Raye e George Burns), "Buck Benny Rides Again" (1940), "A Tia de Carlitos", "Ser ou Não Ser" (com Carole Lombard), "Mania de Antiguidade", "The Horn Blows at Midnight" (1945). Voltou as telas em 1967, com "Maridos em Férias", dirigido por Gene Kelly e formando dupla com Walter Matthau. Foi casado com a atriz Mary Livingstone e faleceu aos 80 anos, em 26 de dezembro de 1974.

Veja outra foto de Jack Benny


Filmografia
1930: No Mundo da Lua (Chasing Rainbows)
1930: Filhas do Prazer (Children of Pleasure)
1933: Noites da Broadway (Mr. Broadway)
1934: Folias Transatlânticas (Transatlantic Merry-Go-Round)
1935: Dois Águias em Vôo (It's in the Air)
1935: Melodia da Broadway de 1936 (Broadway Melody of 1936)
1936: Ondas Musicais de 1937 (The Big Broadcast of 1937)
1936: Alegria a Solta (College Holiday)
1937: Artistas e Modelos (Artists & Models)
1938: No Turbilhão Parisiense (Artists and Models Abroad)
1939: O Terror dos Maridos (Man About Town)
1940: Romeu a Cavalo (Buck Benny Rides Again)
1940: Dois Bicudos não Se Beijam (Love Thy Neighbor)
1940: Amemos Uns Aos Outros (Love Thy Neighbor).....Mais informações
1941: A Tia de Carlitos (Charley's Aunt)
1942: Ser ou Não Ser (To Be or Not to Be)
1942: Mania de Antiguidade (George Washington Slept Here)
1943: O Maior Sovina do Mundo (The Meanest Man in the World)
1944: Um Sonho em Hollywood (Hollywood Canteen)
1945: Está no Papo (It's in the Bag!)
1946: Romance e Fantasia (Without Reservations)
1949: O Gostosão (The Great Lover)
1952: Mais uma Vez Perdão (Somebody Loves Me)
1957: O Prefeito se Diverte (Beau James)
1960: Quem Era Aquela Pequena? (Who Was That Lady?)
1962: Em Busca de um Sonho (Gypsy)
1963: Deu a Louca no Mundo (It's a Mad, Mad, Mad, Mad World).....Mais informações
1967: Maridos em Férias (A Guide for the Married Man).....Mais informações


BR Busca JS - Busca
Banco de Dados
Para uma resposta mais rápida, utilize aspas na consulta, exceto quando tiver dúvida com relação à grafia do nome
Jack Benny
  Se você gostou, compartilhe esta página no Facebook
• fechar janela •