A

B

C

D

E

F

G

H

I

J

K

L

M

N

O

P

R

S

T

U

V

W

X

Y

Z

Jack Palance


Nascido na pequena Lattimer Mines, no estado da Pensilvânia, em 18 de fevereiro de 1919, Jack Palance foi um célebre pugilista durante a década de 30, largando a carreira no boxe quando foi convocado para atuar na II Guerra Mundial. Na volta da guerra, inicia sua carreira artística, caracterizando-se pelos papéis de vilões nos filmes western dos anos 50 e 60. De descendência ucraniana, seu nome na vida real era Volodymyr Palanyuk. Seus pais eram os imigrantes - seu pai nasceu na aldeia de Ivane Zolote, na Ucrânia Ocidental, e a sua mãe era da região de Lviv. Também trabalhou como mineiro antes de se tornar um pugilista. No retorno da guerra iniciou sua carreira artística, caracterizando-se pelos papéis de vilões nos filmes western dos anos 50 e 60.

Palance voltou aos EUA com cicatrizes de queimaduras em seu rosto, marcas que acabaram facilitando em sua carreira como ator, já que seu aspecto, aparentemente ameaçador, definiu os perfis de personagens que era convidado a interpretar: vilões. A carreira de ator começou logo que voltou da guerra, em peças da Broadway. No primeiro filme, Palance aparece nos créditos como Walter Jack Palance. Foi em "Pânico nas Ruas", de 1950.

A primeira indicação ao Oscar aconteceu dois anos depois, na categoria de Melhor Ator Coadjuvante por "Precipícios D'Alma", no qual interpreta o marido malvado de Joan Crawford. Apesar de ter sido indicado ao Oscar anteriormente, com "Os Brutos Também Amam" (Shane, 1953) Palance só obtém sua primeira estatueta em 1992, pelo filme "Amigos, Sempre Amigos". Palance surpreendeu a audiência da cerimônia ao mostrar seu vigor físico, ao fazer flexões com apenas um braço, mesmo já tendo 73 anos na época. Com esse filme, Palance reapareceu quando todos apostavam no fim de sua carreira. Por sua atuação em "Amigos, Sempre Amigos", ao lado de Billy Cristal, mostrou não somente ainda estar em plena forma, mas também ter uma verve para comédia.

No Brasil, indiscutivelmente, seu maior sucesso não foi nenhum de seus filmes, mas sim a série "Acredite se Quiser" (Ripley's Believe It or Not!), produzida nos anos 70 e exibida pela extinta Rede Manchete nos anos 80 e 90. Na época, chegou até a ser contratado pela gestão da então prefeita Luíza Erundina para divulgar as ações da prefeitura paulistana, num criativo comercial inspirado na série. Palance permaneceu casado com a atriz Virginia Baker de 1949 a 1966, com quem teve três filhos. Em 1987, casou com Elaine Rogers. O ator manteve uma vida artística extremamente ativa até 2004. Jack Palance faleceu de causas naturais dois anos depois, em 10 de novembro de 2006, aos 87 anos.

Veja outra foto de Jack Palance


Filmografia
1950: Pânico nas Ruas (Panic in the Streets).....Mais informações
1951: Até o Último Homem (Halls of Montezuma)
1952: Precipícios d'Alma (Sudden Fear).....Mais informações
1953: Os Brutos também Amam (Shane).....Mais informações
1953: O Último Guerreiro (Arrowhead).....Mais informações
1954: O Estranho Inquilino (Man in the Attic)
1954: Átila, o Rei dos Hunos (Sign of The Pagan)
1954: O Cálice Sagrado (The Silver Chalice)
1955: Morrendo a Cada Instante (I Died a Thousand Times).....Mais informações
1955: A Grande Chantagem (The Big Knife).....Mais informações
1956: Morte sem Glória (Attack!)
1957: Flor de Maio (Flor de Mayo)
1957: A Casa dos Homens Marcados (House of Numbers)
1957: O Bandoleiro Solitário (The Lonely Man)
1958: Conflito Íntimo (The Man Inside)
1959: A Dez Segundos do Inferno (Ten Seconds to Hell)
1960: A Batalha de Austerlitz (Austerlitz)
1961: A Espada do Conquistador (Sword of the Conqueror)
1961: Barrabás (Barabbas)
1961: Os Mongóis (I Mongoli)
1963: O Desprezo (Le Mépris)
1965: A Marca de Um Erro (Once a Thief)
1965: O Espião de Chapéu Verde (The Spy with a Green Hat)
1966: Alice no País dos Espelhos (Alice Through the Looking-Glass)
1966: Os Profissionais (The Professionals)
1967: Torturas do Dr. Diabolo (Torture Garden)
1968: Com Sangue se Escreve a História (The Battle of Austerlitz)
1968: O Grande Roubo de Las Vegas (They Came to Rob Las Vegas)
1969: Che! (idem)
1969: Trágica Sentença (The Desperados)
1970: Fúria Implacável (The McMasters)
1970: Um Homem Difícil de Matar (Monte Walsh).....Mais informações
1970: Os Violentos Vão para o Inferno (The Mercenary)
1970: Companheiros (Vamos a Matar, Compañero)
1971: Que Assim Seja, Trinity (Si Puo Far... Amico)
1971: Os Cavaleiros do Buskashi (The Horsemen)
1971: A Legião dos Malditos (Battle of the Commandos)
1972: Renegado Vingador/Impiedoso (Chato's Land).....Mais informações
1973: Drácula (Dracula)
1973: O Poço do Diabo (Oklahoma Crude)
1975: Os Quatro Coringas (The Four Deuces)
1975: África Express (Africa Express)
1975: Os Hatfields contra os McCoys (The Hatfields and the McCoys)
1976: Arma de Deus (God's Gun)
1977: Retrato de um Assassino (Portrait of a Hitman)
1978: Justiceiro Rebelde (One Man Jury)
1980: O Gorila de Marfim (The Ivory Ape)
1980: Sem Aviso (Without Warning)
1982: Sozinho no Escuro (Alone in the Dark)
1988: Os Jovens Pistoleiros (Young Guns)
1988: Bagdad Café (idem)
1989: Batman (idem)
1989: Tango e Cash - Os Vingadores (Tango & Cash)
1991: Amigos Sempre Amigos (City Slickers)
1993: Cyborg 2 (idem)
1993: Solar Crisis (idem)
1994: Confusões em Dose Dupla (Cops and Robbersons)
1994: Em Busca do Ouro Perdido (City Slickers 2: The Legend of Curly's Gold)
1994: A Princesa Encantada (The Swan Princess) - voz
1995: Buffalo Girls, as Últimas Pistoleiras (Buffalo Girls)
2002: Falando com os Mortos (Talking Heaven)


BR Busca JS - Busca
Banco de Dados
Para uma resposta mais rápida, utilize aspas na consulta, exceto quando tiver dúvida com relação à grafia do nome
• fechar janela •
Jack Palance e Ida Lupino em "A Grande Chantagem" (1955)