A

B

C

D

E

F

G

H

I

J

K

L

M

N

O

P

R

S

T

U

V

W

X

Y

Z


Cineasta e ator de Hollywood, conquistou a fama a partir de sua participação no filme "O Bebê de Rosemary", ao lado de Mia Farrow e Ruth Gordon. Cassavetes tornou-se lendário como fundador do cinema independente americano, tendo dirigido filmes como "Minha Esperança é Você" (A Child Is Waiting) em 1963, "Glória" em 1980 e "Amantes" (Love Streams) em 1984, ganhador do Urso de Ouro no Festival de Berlim. Em 1986, foi responsável por "Problemas em Dobro" (Big Trouble), estrelado por Peter Falk e Alan Arkin.

John Nicholas Cassavetes nasceu em Nova York no dia 9 de dezembro de 1929. É considerado como o "pai" do cinema independente dos Estados Unidos, por criar um estilo próprio e quase artesanal de trabalho, o qual incluía orçamento reduzido, produção independente e a mesma equipe de técnicos e atores - geralmente amigos do cineasta.

Em 1956, Cassavetes começou a ensinar atuação em teatro em palestras em Nova York. Foi durante um seminário que surgiu em Cassavetes a ideia de escrever e dirigir um filme sobre a improvisação. Este é "Sombras", seu filme de estreia, de 1959. Cassavetes angariou recursos para produção de seu filme com amigos e familiares. Não conseguindo distribuidores nos Estados Unidos, o jovem cineasta levou "Sombras" para a Europa, onde o filme foi contemplado com o Prêmio da Crítica do Festival de Veneza. Distribuidores europeus lançaram o filme mais tarde.

Embora o público norte-americano tenha desprezado "Sombras", a obra chamou a atenção dos estúdios de Hollywood. Assim, Cassavetes mudou-se e produziu dois filmes para Hollywood, no começo da década de 1960: "A Canção da Esperança" (1961) e "Minha Esperança É Você" (1963). Neste último, um desentendimento com um produtor levou Cassavetes a desistir do cinema dos grandes estúdios e foi o passo definitivo para ele se tornar um diretor independente. Paralelamente à carreira de cineasta, Cassavetes atuou em filmes como "Os 12 Condenados" (de Robert Aldrich, 1967), pelo qual recebeu a indicação ao Oscar de melhor ator coadjuvante, e "O Bebê de Rosemary" (de Roman Polanski, 1968). Outras notáveis aparições incluem "Os Assassinos" (de Donald Siegel, 1964) e "A Fúria" (de Brian DePalma, 1978).

Seu próximo filme como diretor (e sua segunda obra independente) foi "Faces", filme que teve no elenco a esposa Gene Rowlands. Adaptado de uma peça teatral do próprio cineasta, "Faces" relatava a lenta desintegração de um casamento e recebeu três indicações ao Oscar - Melhor Roteiro Original, Melhor Ator Coadjuvante (para Seymour Cassel, que acompanharia Cassavetes em outras produções do cineasta) e Melhor Atriz Coadjuvante (para Lynn Carlin). A seguir viriam "Os Maridos", de 1970, o qual estrelaram Cassavetes e Ben Gazzara, outro ator que acompanharia o cineasta em suas produções. No ano seguinte, foi lançado "Assim fala o Amor"), com Gene Rowlands e Seymour Cassel no elenco.

Casado na vida real com a atriz Gena Rowlands, que atuou em todos os seus filmes e cuja câmera insistia em namorar a esposa. Várias cenas de seus trabalhos foram realizadas em casa, para economizar dinheiro. Permaneceram casados durante 30 anos, numa sólida união e, quando John morreu, após longa enfermidade, se passaram cerca de dois anos em que ela pensou que não conseguiria superar o sofrimento. Seu filho, Nick Cassavetes, seguiu a profissão do pai e dirigiu "De Bem com a Vida", estrelado pela mãe e com Marisa Tomei, em 1997. John chegou a assinar uma dúzia de filmes cultuados pelos europeus e, na televisão, participou na série "Johnny Staccato" em 1959. O ator faleceu de cirrose hepática aos 59 anos, em 3 de fevereiro de 1989.

Veja outra foto de John Cassavetes


Filmografia
1951: Horas Intermináveis (Fourteen Hours)
1953: A Perdida (Taxi)
1955: Terror na Noite (The Night Holds Terror)
1956: Rua do Crime (Crime in the Streets)
1957: Crime Sem Perdão (Affair in Havana)
1957: Um Homem Tem Três Metros de Altura (Edge of the City).....Mais informações
1958: Irmão Contra Irmão (Saddle the Wind, com Robert Taylor)
1958: A Ilha do Pecado (Virgin Island)
1959: Sombras (Shadows)
1961: Canção da Esperança (Too Late Blues)
1963: Minha Esperança é Você (A Child Is Waiting)
1964: Os Assassinos (The Killers, com Ronald Reagan em último papel)
1967: Os Doze Condenados (The Dirty Dozen).....Mais informações
1967: Anjos do Inferno (Devil's Angel)
1968: Guerra aos Gângsters (Roma come Chicag)
1968: O Bebê de Rosemary (Rosemary's Baby)
1968: A Fúria dos Intocáveis (Gli Intoccabili)
1969: Enquanto Viverem as Ilusões (If It's Tuesday, This Must Be Belgium)
1970: Os Maridos (Husbands)
1971: Assim Fala o Amor (Minnie and Moskowitz)
1975: Capone, o Gângster (Capone, com Ben Gazzara)
1976: Pânico na Multidão (Two Minute Warning)
1977: Heróis Sem Causa (Heroes)
1977: Noite de Estreia (Opening Night)
1978: A Fúria (The Fury, de Brian de Palma).....Mais informações
1978: O Alvo de Quatro Estrelas (Brass Target).....Mais informações
1981: De Quem é a Vida, Afinal? (Whose Life is it, Anyway?)
1982: Tempestade (Tempest, com Vittorio Gassman)
1982: A Força do Mal (Incubus, com John Ireland)
1984: Amantes (Love Streams)

Filmografia (direção)
1959: Sombras (Shadows)
1961: Canção da Esperança (Too Late Blues)
1963: Minha Esperança é Você (A Child Is Waiting)
1968: Faces (idem)
1970: Os Maridos (Husbands)
1971: Assim Fala o Amor (Minnie and Moskowitz)
1974: Uma Mulher Sob Influência (A Woman Under the Influence)
1976: A Morte de um Bookmaker Chinês (The Killing of a Chinese Bookie)
1977: Noite de Estreia (Opening Night)
1980: Gloria (idem)
1984: Amantes (Love Streams)
1986: Um Grande Problema (Big Trouble)


BR Busca JS - Busca
Banco de Dados
Para uma resposta mais rápida, utilize aspas na consulta, exceto quando tiver dúvida com relação à grafia do nome
John Cassavetes
  Se você gostou, compartilhe esta página no Facebook
• fechar janela •